Prêmio Melhor Dissertação de Mestrado Ana Lugão Rios

Prêmio Melhor Dissertação de Mestrado Ana Lugão Rios

Em comemoração aos seus 30 anos de existência, o PPGHIS criou, em 2012, o Prêmio Melhor Dissertação de Mestrado Ana Lugão Rios. A premiação é feita anualmente, e desde sua criação, as dissertações premiadas foram as seguintes:

2018 – Jacques Ferreira Pinto – A paralaxe do outro: medidas de alteridade entre África e Ásia no primeiro relato de viagem de um brasileiro no Japão no século XIX.

2017 – Pedro Brandão de Sousa Culmant Ramos – Homens de confiança: moral, antiescravismo e o abolicionismo inglês na supressão do tráfico brasileiro de escravos (1836-1846)

2015 – João Gabriel da Silva Ascenso – As Fronteiras de Universopólis: pensando o projeto mestiço no México a partir de José Vasconcelos

2014 – Diego Knack – O combate à corrupção durante a ditadura militar por meio da Comissão Geral de Investigações (1968-1978)

2013 – Angélica Barros Gama – A iconografia do Rei Descobridor: a construção da imagem régia nas Ordenações Manuelinas de 1514

2012 – Letícia Cristina Fonseca Destro – Serão todos filhos de Adão? A invenção da África Negra pelo imaginário cristão a partir da literatura de viagem e cartografia dos séculos XV e XVI

Menções honrosas:

2013 – Abner Francisco Sótenos   – O surgimento do Movimento Amigos de Bairros (MAB) no Rio de Janeiro e a comunidade de Informação no período de distensão política (1974-1985)

Excepcionalmente, o prêmio não foi conferido em 2016